Sororidade

Estou cada vez mais convencida de que o feminismo acadêmico não me contempla.

Ele é necessário, fundamental, só não me basta.

Todo entendimento do mundo sobre sororidade, patriarcado, capitalismo, gênero e sexualidade, são nada se isso não tiver aplicabilidade prática.

De nada adianta mencionar Chimamanda, Ângela Davis e Simone de Beauvoir, se você não entender que o chamado feminista é também um chamado espiritual.

Se você não tiver o coração tão desperto quanto sua mente e a alma tão desenvolvida quanto o seu intelecto, então teu legado é nada.

Reflete, medita e contempla.

O outro é só uma extensão de ti. Não há outra, senão você desdobrada em muitas.

Há uma linha tênue que nos conecta todas, como um enorme cordão umbilical que nos conecta ao planeta.

A prática da sororidade é uma condição inefável para o exercício do amor feminino, feminista, matriarcal e sagrado.

Seja uma mulher que levanta outras mulheres, tanto no micro quanto no macro mundo, caso contrário, teu ativismo é só vaidade.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: